HOMENAGEADO DO MÊS

HOMENAGEADO: Lula Cardoso Ayres, pintor Pernambuco de vanguarda, sua obra impressiona pelas formas. É um iluminado.
Período: 01 de novembro de 2012 a 31 de dezembro de 2012.

segunda-feira, 14 de março de 2011

DIA NACIONAL DA POESIA


Hoje, 14 de março, comemoramos o DIA NACIONAL DA POESIA, deixamos nossos votos de felicidades a todos os poetas brasileiros. Bem como agradecemos a todas as pessoas que estão envolvida na propagação da literatura de uma maneira geral.

ALÉM DA POESIA

sábado, 12 de março de 2011

sexta-feira, 11 de março de 2011

domingo, 6 de março de 2011

COFRE DE CRISTAL

Brilham estrelas
Universo de luz
Pontiagudas siluetas
Corpos nus

Poemas faltam
Silenciosos gestos
Descobrindo mistérios
Palavras sobram

Cristal luminador
Caminho do alento
Cofres de loqüela
Sabedoria incolor

sábado, 5 de março de 2011

ALÉM DA POESIA

Caminho da poesia...
Um recanto do escritor.
Ler ou não ser...
Uma vida em poesias.

Além da poesia...
Canto de Poemas.
Pensar é causar...
Poesias em foco.

Jovem escritor...
Casa das poesias.
Giro das letras...
Mundo dos poemas.

Caminho do despertar...
Cânticos de palavras.
Dispersa palavra...
Porosidade etérea.

Telas de ilusões...
Sem molduras.
Plano de imagem...
Travessuras.

A VIDA PASSOU POR PASSAR

No túnel da morte,
O filme da vida.
A grande consciência,
Para nova penitência.

Do medo e do encanto.
Nem pecado e sermão.
O corpo na degradação,
No branco manto.

A vida passou
Por passar.
Novo presente,
Noutro corpo voltar.

sexta-feira, 4 de março de 2011

ALÉM DO HORIZONTE DO MEU SER

A voz do coração,
Guia-me na razão.

Além do horizonte.
Um pouco medito,
Lá no monte...
As coisas que acredito.

Mero fulgor,
Em nome do amor.

No meu sonho,
Vertical paisagem.
No porto infinito, liberto.
Vôo, transparente viagem.

Meu ser tem
Instruções do além.

Secreta fonte,
Tremeluzir azular.
Sou cavaleiro e monge.
E o brando vento a me despertar.

UN SUSPIRO DE EXISTENCIA

La voz de la memória
La importacia de los detalles
Impulsos
Momento del esfuerzo
Mis quimeras
Respiran las noches
Apenas presencias
En mis pensamientos
Una ilusión
En mi corazón

CORAÇÃO CONSENTE

O que deixou alegria?
O amor, quando se revela.
Meu coração do frio ao fogo.
Me ouves, então, prossigo.

Na busca da beleza,
Contemplo idéia do mundo.
Habitam mistérios no silêncio,
Alma acesa no fundo.

Coisa feliz,
Me diz...