HOMENAGEADO DO MÊS

HOMENAGEADO: Lula Cardoso Ayres, pintor Pernambuco de vanguarda, sua obra impressiona pelas formas. É um iluminado.
Período: 01 de novembro de 2012 a 31 de dezembro de 2012.

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

AMORC EM PERNAMBUCO

Do litoral ao sertão

A Amorc veio para ficar

Com o Deus do coração

Um povo por libertar


Sem medo com harmonia

Silêncio cavaleiro

Filo da cosmogonia

No Pernambuco inteiro


A rosa do pensador

A sábia educação

Leão do norte com amor

No lumiar do coração

terça-feira, 26 de outubro de 2010

DEUSA MAAT

No Egito antigo

Existia um culto

A uma deusa meu amigo


Era filha de Rá

O sol que era Deus

A Justiça e Equilíbrio

Eram verbos seus


Julgamento tinha salão

Na balança a pluma e o coração

O peso era a decisão.

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

ERA DO GELO

Ué! Cadê o gelo?

Sumiu?

O Sol escaldante!

Era uma vez o gelo?

E as geleiras?

Vamos vender câmaras frias como geladeiras?

A humanidade como vai ficar?

Se poluir não vai ficar!

Se diminuir pode demorar.

Era do gelo?

Era mesmo!

domingo, 24 de outubro de 2010

ROSACRUZ

Respeito e hospitalidade

O tributo a tolerância com lealdade

Sagrado silêncio da verdade

Alma com lindo avental

Caminhando ao leste sem final

Ritual de iniciação

Uma celestial conclusão...

Zelar sempre pela tradição universal

ROSA

Um olhar expressa um pensamento

Um abraço expressa um sentimento

Um beijo expressa um amor

Uma rosa complementa como uma cor


Tu serás minha rosa?

Tu amas alguém?

Ó linda! Tens fragrância gostosa.

Te quero tanto meu bem!

CORDEL

ERA MENINO QUANDO VIA

AO LADO DA IGREJA MATRIZ

UM LIVRINHO OU LIVRETO,

AZUL, VERDE OU PRETO.


NÃO DISSERAM QUE ERA

LIVRINHO DANADO DE BOM.

TODO MATUTO COMPROVAVA

DEPOIS QUE O VENDEDOR RECITAVA.


LÁ NA FEIRA DO MERCADO

TOCADOR TAMBÉM CANTAVA

POESIAS DO POETA QUE ALEGRAVA

QUALQUER UM QUE SEU LIVRO COMPRAVA


ERAM HISTÓRIAS REGIONAIS,

FALAVA DE GENTE E DE ANIMAIS.

LITERATURA COM FIGURAS GENIAIS.

NÃO ESQUEÇO O CORDEL NUNCA MAIS.

O RISCO DE CHORAR NA ESTRADA DO SOL

SE TU DEIXAS TE CATIVAR

CORRES O RISCO DE CHORAR

SE TU AMAS E TE AMAM

CORRES O RISCO DE CHORAR


DA TUA MAIS SINCERA AMIZADE

PODES DERRAMAR PINGOS DE LÁGRIMAS

O TEU CORAÇÃO NA AMIZADE

SENTE A LUZ DA FELICIDADE


NA ESTRADA DO SOL

VOU CAMINHANDO PARA VILA DO AMOR

SEMPRE TÃO SÓ

VOU PROCURANDO UMA FORMOSA FLOR


NO PÔR-DO-SOL

NO VENTO QUE À TARDINHA TRAZ

ESPERO A LUA CHEIA

PARA FESTEJAR EM PAZ

sábado, 23 de outubro de 2010

É CARNAVAL

Fevereiro ou março

Meu passo eu mesmo traço

Na alegria que esboça

Vai atrás de uma troça



O grande estandarte

Cheio de paixão e arte

Os bonecos da ladeira

Rodopiando na brincadeira.


No cucuricar dos Gallus Gallus

Aos primeiros raios de luz

Oh! Linda! Aguardando em paz

O desfile que a multidão traz


Ao som do batuque ritmado

Um chocalho animado

Lança que balança cada vez mais

Homenageia os orixás


No agachamento do caboclinho

Na rabeca do cavalo marinho

La ursa pede dinheiro

Coco com ganzá, surdo e pandeiro


É carnaval!

Samba, ciranda e frevo!

É carnaval!

No meu Pernambuco alto astral!

RIO DE ÁGUAS CLARAS

Rio por onde corres calma, serena.

Nasço a cada manhã, luz do sol...

Morres quando vais.

É tarde! Tenho que pegar o bonde da vida...


O tempo, depressa, passou.

Versos e votos teus.

Olhando de longe, penso...

Mulher dos braços meus.


Versos e votos a ti.

“ESSA MULHER É UM MUNDO!”

Fonte que meu amor proclama.


Uma janela da aurora.

Flagrante luz de um mundo.

Chora, canta, ama...

REVOLUÇÃO

Detalhe no jardim.

Vem chegando o verão.

Flores e beijos.

Alegria da revolução.



A busca do caminho.

Estilo fascinante.

Cadeia de união.

Particularidades da revolução.


Frenesi de paixões.

Parábolas paradoxais.

Paradigma dos corações.

Momentos das revoluções.

BRASIL VERSUS BRASIL

Artístico

Alegre

Trabalhador

Grande

Diferente

Lindo

Tropical

Carnaval

Brasileiro de alto astral

X

Miséria

Fome

Favelado

Sem educação

Separado

Doente

Aposentado, parado, mal remunerado

Eleitor, mal informado, vota errado

PRINCÍPIO UNIVERSAL DA EVOLUÇÃO

Com ou sem paixão...

Com ou sem emoção...

Refinado por essência

Existe em si sublime pureza

Expressão da mais ilustre beleza

Fraterno como a paz

Fluir e nada mais

Descubra o princípio...

Evolução é universal...

Chama-o em teu coração

Chama-o com todo esplendor

Chama-o de AMOR...

HAVIA

Havia, havia...

Paro e penso?

Descubro!

Não havia o que pensar!

SE NÃO EXISTISSE JOÃO

No princípio era o som...

O Éter da vida...

João propagou a verdade.

Mas, qual era a idade?

Quem iria fala em liberdade?

Se não existisse o João...

Como seria a história?

Por si existiria!

Falo sem medo e sem anarquia!

João foi à luz?

Ou a luz se propagou na vida...

Transformando-a em amor...

Ao Deus nos resta louvor...